domingo, 31 de dezembro de 2017

Olho vivo!



O Brasil, em todos os seguimentos está muito perigoso. Portanto todo cuidado é pouco. Dizem que a ocasião faz o ladrão – discordo. A ocasião revela o ladrão. Estamos assistindo, todos os dias, as tenebrosas transações entre políticos e aliados. São inimigos, no noticiário, para inglês ver. Na hora do pega para capar todos se unem, em benefício próprio. Para o povo banana, com os dois braços! Como eles estão pouco se lixando, com os bárbaros acontecimentos que assistimos, sempre nos passando maus exemplos, tome muito cuidado ao frequentar a vida noturna, no interior e nas grandes cidades. Para vocês umas dicas que que selecionei e quer valem ouro:

- Evite objetos pessoais de valor, como joias, relógios e telefones celulares e utilize roupas discretas.
- Leve dinheiro suficiente para as despesas da noite. Evite realizar pagamentos com notas de alto valor;
- Tenha dinheiro separado para pequenas despesas.
- Prefira ir de táxi, metrô, ônibus, etc.
- Não dirija após ingerir bebida alcoólica.
- Não aceite carona de quem tiver ingerido qualquer quantidade de bebida alcoólica.
- Não aceite carona de estranhos.
- Desconfie de estranhos com conversa envolvente que tentem uma aproximação. Não aceite convites de desconhecidos que acabou de conhecer em bares ou casas de diversão noturna.
- Evite sair sozinho, saia sempre com amigos.
- Ao menor sinal de perigo, procure ajuda.
- Não saia pela rua à procura de táxi. Chame um pelo telefone.
- Nunca namore dentro do carro.
- Observe as pessoas que estão ao seu redor para evitar conflitos.
- Certifique-se de que sua bolsa esteja fechada.
- Transporte objetos pessoais (carteiras, celulares, bolsas, etc) à frente de seu corpo.
- Não use o celular pendurado na bolsa ou na roupa.
- Informe sempre a sua família sobre onde e com quem você estará.
- Ande sempre com os documentos.
- Evite locais perigosos, de uso ou tráfico de drogas, de violência ou atos de vandalismo. Evite confusões. Peça desculpas e se afaste.
- Cuidado com pessoas que forcem aproximação. Muitas vezes procuram seduzir suas vítimas, oferecendo carona ou convidando para outras festas (em casas de amigos), apartamentos ou a motéis. Na grande maioria das vezes as vítimas são sedadas (usando bebidas com sonífero ou outro tipo de droga) e, quando adormecem, são roubadas, furtadas, além de poderem sofrer outras violências (físicas ou sexuais).
- Não aceite qualquer tipo de bebida de desconhecidos, ou de quem acabou de conhecer. Se quiser beber algo, compre pessoalmente e certifique-se que a bebida encontrava-se lacrada.
- Em locais fechados, observe sempre se existem portas de emergência bem sinalizadas e escolha uma posição de fácil saída. E, assim por diante.
- Não relaxe. Olho vivo!

Por favor, não solte rojão. Aliás não sei qual a graça de amador soltar rojão. Só se você não suporta criança, idosos, animais...

Feliz ano novo!


sexta-feira, 29 de dezembro de 2017

Chega de rojões!!!


Soltar bombinhas ou rojões é brincadeira
 de risco, a si e aos outros.  
Nos dias de hoje, não há como não ser contra a quem solta rojão ou bombinha. Na maioria das vezes essa brincadeira de mau gosto é em comemoração a alguma conquista ou por fé. As pessoas que assim procedem não entendem e nunca vão entender que o que é bom para poucos não o é para a maioria. O estrondo de uma bomba além do barulho e do susto causa sofrimento a quem tem ouvidos sensíveis como os dos cachorros, molesta doentes, crianças, idosos, desaloja aves chocando... Além do que é perigoso para quem solta ou para quem estiver por perto.
Boicotem comerciantes que fazem estardalhaços soltando rojões anunciando aniversário, inauguração ou promoção da loja.
Especialistas em queimaduras vivem aconselhando a evitar este costume, independente da ocasião. Quem se acidenta com este tipo de brincadeira, absolutamente sem graça pode se machucar feio, ainda mais se estiver distraído. Pode inclusive perder partes de seu corpo. Certamente o cérebro não, pois ao adotar esta prática prova que não o tem.

Recomendações do Corpo de Bombeiros: Ao acender fogueiras, nunca utilize álcool ou gasolina. / Não permita que crianças brinquem perto de fogueiras / Nunca solte balões juninos / Não associe bebidas alcoólicas ao uso de fogos / Não acenda fogos e fogueiras perto de redes elétricas / Após a festa, apague a fogueira para evitar queimaduras com as brasas / Mantenha os fogos em locais secos;   
Em caso de queimadura: Procure acalmar a pessoa / Lave com água corrente a parte lesada / Proteja a queimadura com gases umedecidas com água ou soro fisiológico / Não fure as bolhas de queimaduras / Não tente retirar pedaços de roupas grudados na pele / Não use pomada, manteiga, creme dental, borra de café e gelo na área afetada.


Na chegada do fim de ano, nas festas juninas, no dia da Nossa Senhora Aparecida, final de campeonato de futebol...  Faz crescer o número de atendimento nas emergências hospitalares em decorrências de queimaduras derivadas de acidentes com fogueiras e fogos de artifício. 

COOCERQUI - Ofertas válidas de 29 a 31 de dezembro:




sexta-feira, 22 de dezembro de 2017

Gente descolada daqui, dali e de acolá:






































Desenho em bico-de-pena feito por este blogueiro.


Ah" Não erre mais:
- Eleição, eleições. No singular quando se tratar de uma única eleição.: a eleição presidencial. No plural quando forem várias: as eleições de 2016, as eleições de prefeito e vereadores.
- Elenco. Use apenas para atores. Nos demais casos prefira lista ou relação.
- “Elo de ligação”. Redundância: elo já quer dizer ligação.
- “Em azul”. Não use a proposição em antes de nome de cor: Entalhes “em marrom”. O certo é entalhes marrons, casas azuis, desenhos amarelos, tapetes verdes (e não em verde) etc.
- “Exitar”. Erro grosseiro. O certo é hesitar.
- Féretro. É o caixão mortuário e não o funeral. Dessa forma, não diga que o féretro foi concorrido ou que alguém compareceu ao féretro. Acompanha-se um féretro, um féretro sai de algum lugar para outro, etc.
- Evite que erros de conhecimento comprometam o texto. Não diga, por exemplo: Um relâmpago caiu no fio elétrico. O que cai é o raio. Não escreva, também: Havia muitas pessoas no féretro. O féretro é o caixão, não o cortejo. Outra forma a evitar: A geada caiu... A geada forma-se, não cai (é o resultado do congelamento das gotas de orvalho.


COOCERQUI - Ofertas válidas de 21 a 24 de dezembro:




terça-feira, 19 de dezembro de 2017

COOCERQUI - Receitas para o final de ano:


Bolo de Mel


Ingredientes

Para a massa: 

  • 3½ xícaras de farinha de trigo
  • 1 colher de sopa de fermento em pó
  • 1 colher de chá de bicarbonato
  • ½ colher de chá de sal
  • 4 colheres de chá de canela em pó
  • 1 colher de chá de cravo em pó
  • ½ colher de chá de noz-moscada ralada
  • 1 xícara de óleo
  • 1 xícara de mel
  • 1½ xicara de açúcar branco
  • ½ xícara de açúcar mascavo
  • 3 ovos
  • 1 colher de chá de extrato de baunilha
  • 1 xícara de café bem forte
  • ½ xícara de suco de laranja

Para o real:

  • 2 xícaras de açúcar de confeiteiro
  • 2 colheres de sopa de suco de limão

Preparo

  1. Preaqueça o forno a 180º C.
  2. Em um bowl, peneire e misture o açúcar branco, o açúcar mascavo, a farinha de trigo, a canela, o sal, o cravo em pó, o fermento, o bicarbonato e a noz-moscada ralada.
  3. Em outro recipiente, misture o óleo, o suco de laranja, o café, o mel, o extrato de baunilha e os ovos, misturando com um fouet até incorporar todos os ingredientes.
  4. Acrescente aos poucos a mistura dos ingredientes líquidos aos secos, até virar uma massa homogênea.
  5. Coloque em uma fôrma antiaderente ou untada, e asse a 180º C por uma hora. Desenforme já frio.
  6. Misture o suco de limão no açúcar de confeiteiro para fazer o glacê real e despeje sobre o bolo. Aguarde alguns instantes para que endureça e sirva.
Salpicão de Natal 






Ingredientes


- 02 maçãs verdes picada
- 100g castanha de caju
- 01 pimentão amarelo em tiras
- 01 pimentão vermelho em tiras
- 100g queijo prato em cubos
- 120g presunto defumado em cubos
- 01 vidro de palmito picado
- Acelga e alface picados
- 01 caixinha de creme de leite
- 05 colheres de sopa de maionese
- Azeite a gosto
- 01 limão
- Orégano a gosto




Modo Preparo

1 - Bata no liquidificador a maionese, creme de leite, o suco do limão, azeite e o orégano. Reserve.

2 - Misture os demais ingredientes e tempere com o creme.

3 - Sirva gelado

Salpicão de Frutas




Ingredientes:
100g de peito de peru
1 xícara de abacaxi picado
2 colheres de passas de uva
2 colheres de sopa de palmito
1 xícara de melão picado
1 xícara de morango picado
1 xícara de cenoura ralada
Alface ou rúcula picados ou rasgados
Cheiro verde a gosto
2 colheres de chá de vinagre
2 colheres de sopa de molho de soja
½ xícara de maionese light
Modo de Preparo:
Numa tigela grande, misture bem o abacaxi, a passas de uva, o palmito, as frutas e a cenoura. Corte o peru em tiras ou cubos e misture. Tempere com vinagre e molho de soja e acrescente a maionese light. Sirva sobre as folhas verdes e leve à geladeira.

Bolo de fim de ano




INGREDIENTES
12 gemas
500 g de manteiga sem sal
500 g de chantilly
12 colheres de sopa de açúcar
4 colheres de sopra de chocolate
Nozes ou castanhas-do-pará moídas a gosto
500 g de bolacha champagne
Vinho branco meio seco de boa qualidade ou vinho do porto

MODO DE PREPARO
Bata a manteiga com o açucar até formar um creme branco.
Acrescente as gemas.
Divida este creme em duas partes e, em uma delas acrescente o chocolate
Forre um pirex grande e fundo com metade das bolachas e regue com o vinho
Espalhe o creme amarelo e por cima o chantilly e as nozes ou castanhas moídas
Repita a operação, agora com o creme de chocolate, cobrindo com o chantilly e as nozes

Leve ao refrigerador de um dia para o outro.


Lombo recheado de palmito
     



Ingredientes (12)
1 e 1/2 kg de lombo aberto em manta / 1 unidade de limão espremido / 2 colheres de sopa de sumo de gengibre /  3 dentes de alho amassados / 1/2 xícara de chá de vinho branco /  sal e pimenta a gosto .

Recheio 1 vidro de palmito (530 g) / 1/2 xícara de chá de azeitona verde picada /  3 colheres de sopa de salsinha picada / pimenta calabresa a gosto e  1 xícara de chá de mussarela ralada.


Preparo
1. Lave e enxugue o lombo. Tempere com sumo de limão, gengibre, o alho, o vinho, o sal e a pimenta. Tampe com papel alumínio e leve a geladeira por duas horas. 2. Recheio 3. Em um recipiente, misture o palmito escorrido e picado, a azeitona, a salsa e tempere com o sal e a pimenta. Sobre o lombo distribua o recheio e cubra com a mussarela. Enrole e amarre com barbante. 4. Coloque em uma assadeira, regue com a marinada, cubra com papel alumínio e leve para assar no forno preaquecido a 220ºC durante 50 minutos. Retire o papel alumínio e volte ao forno até dourar, regando de vez em quando com o molho que se forma na assadeira. 5. Dica: Sirva com pétalas de cebola e tomate cereja, refogados na manteiga.