terça-feira, 29 de abril de 2014

COOCERQUI - Barrinhas de cereais


Barrinha de cereais saudáveis  

Nem todas as barrinhas são saudáveis porém, outras são ricas em nutrientes.  Escolha aquelas que não possuem adição de açúcar ou gorduras e que sejam compostas por itens realmente integrais como a aveia, amaranto, chia, além de oleaginosas, como a castanha-do-Pará e as nozes, e frutas secas, como o damasco e as passas. 


Por ter alimentos integrais, esta barrinha irá ajudar no trânsito intestinal. Enquanto, as oleaginosas oferecem gorduras boas e as frutas secas são fontes de vitaminas, sais minerais e fibras.  



As versões orgânicas também são ótimas para a saúde. Elas geralmente não possuem aditivos químicos, como os conservantes e corantes artificiais, que estão associados ao mal funcionamento do organismo e também podem favorecer o câncer e problemas neurológicos.  



A melhor maneira de saber se sua barrinha é nutritiva ou não é checando o rótulo do alimento, tanto pela tabela de composição nutricional quanto a lista e ingredientes. A orientação é que este alimento seja consumido na hora do lanche ou antes de uma atividade física, porque a barrinha é uma fonte de carboidrato importante para fornecer energia ao corpo.  



Sabemos que o consumo máximo de barras por dia, isso não existe um limite máximo para o consumo de determinados alimentos, assim é também para as barras de cereais. É importante que a alimentação não seja monótona, pois as barrinhas de cereais são boas opções de lanches intermediários das refeições principais. Além de praticas elas são fontes de carboidratos e fibras fornecendo energia e favorecendo o bom funcionamento intestinal. Por isso uma barrinha por dia é indicado, devendo alternar o seu consumo com outros alimentos como, por exemplo, frutas.

Nas COOCERQUI de Cerquilho loja1 (Centro), loja 2 (Nova Cerquilho), Boituva e Tietê, você encontra, no corredor Diet vários sabores de barrinhas de cereais.

att

sábado, 26 de abril de 2014

Respingos





As senhoras e senhoritas separadas ou viúva que choram as mágoas porque não conseguiu um outro parceiro deveriam tomar conhecimento que a vida não é moleza não. A vida pode ser bem melhor se ocupando na cozinha, cuidando dos outros infindáveis afazeres, do que ficar em casa se lastimando, no embalo do Lexotan e morrendo, aos poucos, diante da TV. Tire a tristeza da garagem e saiam por aí para se divertir, para exibir a roupa nova e coisa e tal. As festas são feitas para isso. Os lugares mais apropriados para arrumar um relacionamento sério é num casamento, na festa de aniversário, na festa firma...



Os Estados Unidos sempre adoraram explodir tudo o que vem pela frente. No cinema deu tiro a queima na tela para assustar os espectadores. Explodiu carros, trens, navios, aviões, torres e o que mais pudesse ir para os ares. Até 11 de setembro tudo acontecia na casa dos outros. De repente, as explosões estão em suas ruas e cidades. Tão dolorosamente reais. Quem sabe, agora, deixe de achar tanta graça nesses filmes cada vez mais estúpidos.



Com tanta imensidão ao alcance dos olhos há quem prefira trazer o horizonte a cinco centímetros do rosto. Essa distância, entre os olhos e o visor dos smartphones e similares que as pessoas carregam consigo e de que não desgrudam nem para atravessar a rua, levar comida à boca ou dirigir o carro. O risco de cair num bueiro, trombar num poste é grande. Sai fora dessa escravidão.



Cozinhar bem não é nenhum mistério, não é preciso anos de prática, nem ingredientes caros e difíceis de encontrar e, tampouco conhecimento de tradições culinárias estrangeiras. Tudo o que é preciso é dos cinco sentidos.



Até a próxima postagem. Fui!







sexta-feira, 25 de abril de 2014

Respingos - Imagens









Caros amigos, obrigado, mil vezes obrigado, por fazer o meu blog acontecer. Vocês são demais! Fui!